Estaleiro Atlântico Sul entra com pedido de recuperação judicial

Desde  junho do ano passado, quando realizou a última entrega, o Estaleiro Atlântico Sul suspendeu suas atividades, apesar de não admitir o encerramento das operações

Estaleiro Atlântico Sul atribui a sua atual situação à crise econômica e, em particular, à crise do setor naval                 Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem

O Estaleiro Atlântico Sul (EAS) protocolou na tarde da ultima quinta-feira (30), na 1ª Vara Cível da Comarca de Ipojuca, um pedido de recuperação judicial num valor de R$ 2,2 bilhões. A empresa é controlada pelos grupos Queiroz Galvão e Camargo Corrêa.

Leia mais clicando no link abaixo:

https://jconline.ne10.uol.com.br/canal/economia/pernambuco/noticia/2020/01/30/estaleiro-atlantico-sul-entra-com-pedido-de-recuperacao-judicial-398615.php

“A real preocupação do SINDMETAL-PE é referente aos trabalhadores ativos e os que estão com contrato suspenso no INSS, é se o EAS cumprirá com suas obrigações de pagar a todos, assim que forem indeferidos pelo INSS e se caso os trabalhadores que estão trabalhando forem desligado irão receber suas rescisões ou só vai ser pago pela RJ – Recuperação Judicial” comentou o presidente do Sindmetal-PE, Henrique Gomes.

Na última Sexta-feira (31/01) a Gestão do EAS junto com o Presidente do SINDMETAL-PE Henrique Gomes e o secretário do jurídico André Campos, fizeram uma reunião, para esclarecer como proceder caso haja algumas demissões e sobre a volta dos trabalhadores do INSS. A diretora do EAS Tanielle, formalizou depois de alguns debates, que existe uns valores ativos perante a empresa para dá prioridade aos pagamentos dos trabalhadores desligados e que nenhum será prejudicado e muito menos ser levado para ser pago no processo da RJ.

Henrique Gomes avaliou muito positiva a reunião, onde nesse momento a maior preocupação é de fato os trabalhadores que dedicaram suas vidas dentro da empresa e que já mais poderiam sair sem receber seus valores em uma RJ que poderiam passar mais de 4 anos para definir o pagamento.

 

 

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × dois =

Seja bem vindo ao SINDMETAL-PE

WhatsApp