Sindmetal-PE promove roda de diálogo sobre o Dia da Consciência Negra

Na manhã de hoje aconteceu a roda diálogo em alusão ao Dia da Consciência Negra, promovida pela Secretária de Igualdade Racial do Sindmetal-PE. Com o tema "Afirmar nossa identidade não é "coitadismo", é resistência!", o debate destacou a importância de negros(as) que fizeram e fazem a história, bem como a luta, a resistência e a política racial. “No processo de aculturação tentaram sequestrar de nós o conhecimento e tornar cada um de nós um sujeito submisso, por isso que a gente tem que alimentar o aspecto da autoestima para dizer: eu não sou inferior a ninguém!”, pontuou Zé de Oliveira, um dos coordenadores do Coletivo O Quilombo Petista. Na ocasião estiveram presentes dirigentes sindicais e representantes de movimentos sociais. “O dia da consciência negra vem para nos fazer pensar sobre os acontecimentos ao nosso redor. Não é só sobre ser negro, é sobre ter a consciência do que é ser negro.”, disse, o Ativista de Juventude e Movimento Negro Unificado de Pernambuco, Jean Pierre. O Presidente Henrique Gomes ressaltou a importância do debate para que as pessoas entendam e compartilhem tudo o que foi construído pelos negros(as), “Estudem, tomem propriedade, levem isso para a base. Vamos persistir na batalha e repassar esse legado”, finalizou.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dezesseis − cinco =

Seja bem vindo ao SINDMETAL-PE

WhatsApp