Bolsonarista agride dirigente sindical do Sindmetal-PE

A incitação de Jair Bolsonaro ao ódio e à violência política fez mais uma vítima. O fato aconteceu na manhã desta quarta-feira (14), em um restaurante próximo ao Sindmetal-PE, bairro de Santo Amaro no Recife. Na ocasião o dirigente sindical, Ednaldo Rodrigues, foi agredido com um tapa nas costas, por um apoiador de Bolsonaro, que se irritou ao ver o diretor indo tomar café, aonde estava a propaganda eleitoral do partido de Bolsonaro; o agressor entendeu que o sindicalista iria pegar os papéis para ver quem era o candidato, e o agrediu fisicamente, causando maior confusão dentro do restaurante Sétima Arte.

A cena de hoje é mais uma que está tomando conta do País, uma vez que os bolsonaristas não toleram quem pensa diferente, não toleram a liberdade do outro e da outra, não aceitam a democracia. A violência, a tortura, a intimidação e a censura são suas armas contra a verdadeira liberdade democrática. Eles obedecem ao comando do chefe que, no Sete de Setembro, mandou “extirpar” os adversários.
Vale Salientar que a agressão foi registrada em um Boletim de ocorrência na Delagacia próxima do Sindmetal-PE, para que sejam tomadas as medidas cabíveis perante essa agressão sem controle do indivíduo, que até o momento não foi identificado.

O Sindmetal-PE está solidário com o companheiro e prestará toda assistência jurídica para que esta nova ação de violência do bolsonarismo não fique impune
No próximo dia 2 de outubro, votando em Lula presidente, a sociedade brasileira dará a resposta definitiva à escalada de violência, ódio de Bolsonaro e seus seguidores.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

9 − quatro =

Seja bem vindo ao SINDMETAL-PE

WhatsApp