Nota de pesar e solidariedade pela morte da líder quilombola Mãe Bernadete

A secretaria de Igualdade Racial do SindmetaL-PE lamenta profundamente a morte da líder quilombola e Yalorixá Mãe Bernadete Pacífico, vítima de um cruel assassinato na noite da última quinta-feira (17/08), dentro da Associação do Quilombo Pitanga dos Palmares, em Simões Filho, na Bahia. Mãe Bernadete, como era conhecida, foi secretária de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, entre 2009 e 2016 e cobrava justiça pelo assassinato do seu filho, também um líder quilombola.

Perdemos uma das maiores representantes do movimento negro do Brasil e do mundo. Uma Líder atuante e comprometida com a luta contra o racismo e a intolerância religiosa.

O Sindmetal-PE manifesta solidariedade aos familiares e à comunidade, e espera que haja uma investigação rigorosa sobre o assassinato de Bernadete e a punição dos responsáveis por tamanha brutalidade.

Justiça por Bernadete!

Recife, 22/08/2023

Secretária de Igualdade Racial do Sindmetal-PE

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

três × 3 =

Seja bem vindo ao SINDMETAL-PE

WhatsApp