A FCA e Pernambuco

Rochelli Dantas – interina
rochelli.dantas@diariodepernambuco.com.br
diariodepernambuco.com.br

Publicação: 09/01/2018 03:00

A FCA e Pernambuco

A Fiat Chrysler Automobiles (FCA) encerrou 2017 com o melhor resultado em exportações de veículos desde a instalação da Fiat no Brasil, em 1976. A empresa embarcou desde o Brasil para o exterior mais de 145 mil veículos ao longo do ano, com uma expansão de 55% em relação ao ano anterior. E é via Pernambuco por onde boa parte desses carros está sendo enviada aos países vizinhos. O Porto de Suape vem se consolidando, nos últimos anos, como hub port de veículos para o Norte/Nordeste do país. Apenas a exportação da FCA foi responsável por 83,6% da movimentação de veículos em Suape em 2017. Os carros passaram a ocupar, inclusive, a primeira colocação no ranking de exportação pernambucana de 2017, publicado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC). E a marca deve ser mantida este ano. Já que os planos da FCA incluem o reforço no intercâmbio comercial com a Argentina, ao mesmo tempo em que a ofensiva aponta para conquistar novas fatias de participação em mercados importantes como México, Chile, Peru, Colômbia e outros latino-americanos. Além da FCA, as montadoras GM, Toyota e Volkswagen utilizam o ancoradouro como porta de entrada e saída dos seus automóveis, distribuindo para concessionárias da região ou exportando para países da América Latina. Se continuar neste ritmo, a construção de um segundo terminal de veículos no porto terá de ser agilizada. O assunto chegou a ser discutido e estudado pela direção do porto mas o projeto foi engavetado com a entrada em vigor da nova lei dos portos. Depois, foi deixado de lado diante de outras prioridades. A opção foi modernizar o já existente. Diante dos resultados, o assunto pode voltar à tona. Talvez como prioridade.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

17 − 13 =

Seja bem vindo ao SINDMETAL-PE

WhatsApp